Notícias

Em sessão solene da Faculdade de Medicina da USP, realizada, na quinta-feira (21 de novembro), no Auditório do Centro de Difusão Internacional da Universidade de São Paulo, na Cidade Universitária, 147 alunos da 102ª Turma receberam o grau de médico. Formandos e familiares celebraram a conquista.

Além de prestar o juramento com a mão direita sobre um volume do Livro de Hipócrates, considerado o Pai da Medicina, alunos e alunas tiveram colocados no dedo anular da mão esquerda o mesmo anel que pertenceu ao fundador da FMUSP, Dr. Arnaldo Vieira de Carvalho. Esses gestos simbólicos são marcados pela assinatura do Livro de Termo de Colação de Grau.

A mesa solene foi composta pela Decana da FMUSP, Profª. Drª. Umbertina Conti Reed e pelo Presidente da Comissão de Graduação da FMUSP, Prof. Dr. Milton de Arruda Martins. Presente à cerimônia o ex-Diretor da Faculdade de Medicina e Titular do Departamento de Cirurgia, Prof. Dr. José Otavio Costa Auler Junior que saudou os novos médicos. Também compareceu o Diretor Executivo da FMUSP, Dr. Felipe Neme.

Emotiva homenagem póstuma foi prestada pelas alunas Hellen Pereira Ramalho e Daniela Rodrigues ao colega Caíque Santos de Santana. Portador de rara e complexa cardiopatia diagnosticada quando estava com um ano de idade, Caíque veio com a família do interior da Bahia para São Paulo para se tratar da saúde. Cresceu, estudou e foi aprovado como aluno da FMUSP. A pouco menos de iniciar o 6º e último ano letivo, ele faleceu durante cirurgia do coração.

A formatura da Turma 102 da FMUSP contou com apresentação musical da Orquestra do Colégio Ouro Preto conduzida pela regente Andrea Hirota e com participação da soprano Jaqueline Ribeiro.